Interligados foi um dos primeiros livros que li no ano passado, e me encantei por ele, daí no amigo secreto do Lendo & Comentando e ele foi um dos três livros que selecionei, e a Carol me deu de presente justamente ele, então gostaria de deixar bem claro que eu A-M-E-I que ela tenha o escolhido Interligados.

Conheci Interligados ano passado por meio de blogs e amigos, e eles me falaram que o livro tinha uma história incrível. Pois bem, decidi conferir esse livro e adorei. Chamou-me atenção o fato de que ele foge do habitual "lindo vampiro que tenta não se apaixonar por uma garota humana songa-monga mas que acaba fazendo-o", não, Interligados foge completamente disso.


O livro conta a história de Aden um jovem de 16 anos, um garoto que durante toda a sua vida conviveu com quatro almas habitando o seu corpo, cada um com um dom diferente. Eve (a única mulher) pode viajar no tempo, o que no decorrer do livro se mostra uma atividade arriscada e cansativa para todos , além disso ela é vista por Aden como uma mãe, Caleb pode invadir e controlar o corpo de outros seres (humanos ou não), Elijah pode prever a morte das pessoas, mas conforme a história evolui percebemos que ele tem seu dom, digamos ampliado e por último temos Julian que tem o poder de trazer os mortos à vida, mas como zumbis.

Aden sempre fora diagnosticado por seus psiquiatras como esquizofrênico por "conversar sozinho",isso o fez passar por vários hospitais e conviver com pessoas mentalmente instáveis durante toda sua vida. Ele nunca teve um amigo e isso fez do garoto uma pessoa carente. Aden, por meio das visões de um de seus companheiros, descobre que se mudará para um rancho, que lá encontrará a morte, mas também o amor de sua vida. O rancho em questão é o D&M e fica em Oklahoma.

Logo no início do livro vemos Aden trazer da cova, por pura distração, alguns zumbis isso confere às primeiras páginas do livro muita ação e posso dizer, ele é assim até o fim  e eu adorei isso. Nesse exato momento ele vê, pela primeira vez, Mary Ann, ao se encontrarem eles produzem uma energia capaz de atrair criaturas míticas, criaturas que eles pensavam não existir, tais como bruxas, fadas, lobisomens, vampiros e muitas outras, mas não é apenas isso, Mary Ann pode dar a Aden algo com o qual ele sempre sonhara, paz; pois quando estão perto ela neutraliza as almas que estão no corpo do garoto jogando-as no limbo.

Eis que surge, depois do encontro entre os garotos, a misteriosa e atraente Victoria, a garota que Elijah "viu" Aden beijando, ele fica eufórico com a possibilidade de enfim ter encontrado o grande amor da sua vida, e surge também Riley, que ao longo da história ganha um papel de extrema importância. Algo que achei interessante foi que logo depois do encontro entre Aden e Mary Ann eu pensei que ele iria acabar se envolvendo com ela, mas isso nunca acontece, por vários fatores que descobrimos no fim do livro, eles nutrem um sentimento de irmãos um pelo outro.

Algo que também chamou, e muito, a minha atenção foi que a autora, Gena Showalter, desenvolve com maestria a psique de cada uma das personagens, em especial a das almas, o que torna o livro ainda mais instigante. O que poderia ser algo confuso e totalmente desinteressante, se torna uma narrativa tão envolvente que mal consegue-se parar de ler. Um fator ímpar que também notei foi que Gena busca explicações no começo do mito dos vampiros, ela cita Vlad III, mais conhecido como o Conde Drácula, achei que ela foi muito criativa ao voltar na história e citar homem que inspirou o mito dos vampiros.

Eu realmente fiquei encantada pelo livro, ele superou muito as minhas expectativas, certas partes realmente me deixaram entusiasmada, como quando Mary Ann descobre a verdade sobre sua vida, foi realmente curioso ver como seu comportamento mudou durante o livro como sua reação foi mais intensa do que seria caso ela tivesse descoberto antes. Acho apenas que a autora devia ter explorado um pouco mais as personagens Tucker e talvez Penny, [spoiler]  afinal Tucker era ou não um demônio?! E se era, ele controlou de alguma forma Penny? Penny sentia algo por Tucker?

O livro tem partes que realmente mexem com o leitor, que o deixa eufórico,alegre, triste... Em certa parte meus olhos encheram-se de lágrimas, a passagem entre Eve e Mary Ann foi de cortar o coração, e logo depois entre Eve e Aden que foi ainda mais desoladora me deixaram bastante triste, elas são intensas o suficientes para isso, posso garantir.
Achei a capa nacional maravilhosa, chamativa e o mais importante não fugia à temática, a meu ver a Universo dos Livros fez um trabalho magnífico! Eu prefiro a "nossa" capa, ela tem detalhes, tem todo o contexto do livro inserido nela. 


Claramente a série ainda vai dar muito o que falar. Estou lendo o segundo livro da trilogia (bem, eu acho que é uma trilogia), e posso dizer que é tão bom quanto o primeiro volume, talvez até melhor.

Enfim eu realmente gostei muito do livro, achei muito bem escrito e a única coisa que me incomodou um pouco foi não saber direito o que Tucker é o que já foi revelado no segundo volume! Minha nota são cinco estrelas.

Classificação final:

 








Título: Interligados - Aden Stone E A Batalha Contra As Sombras
Autor:
Gena Showalter
Páginas: 448
Tradutor(a): Maurício Tamboni
Editora: Universo dos Livros

5 Comentários

mila disse...

Oi Jesse, Adorei sua resenha, sabe essa é minha primeira visita a seu blog, eu adorei, esse livro eu quero ler faz tempo, mais ainda não tive oportunidade de comprar, ou talvez tenha colocado outros na frente, né,,.. bom, atravez de sua resenha fiquei mais encantada, e eu o quero mais ainda!!

Te convido a conhecer meu blog tb e seguir ^^
http://dailyofbooks.blogspot.com/
beijos

Diemy* disse...

Boa noite meninas! Vinha dizer-vos que tenho um pequeno presente para vocês no meu blog.

Beijinhos*

Ágata Bresil disse...

Uau, esse livro para realmente muito bom pela sua resenha, não li o spoiler pra poder ler depois.

Parabéns pelo blog. Estou seguindo.

Beijos.

http://tudotemrefrao.blogspot.com/

Just Livros disse...

vampiro, lobisomem, bem meu estilo de livro kkk

Participe da promoção da Editora MODO no blog:
http://www.just-livros.blogspot.com/2012/02/novidade-editora-modo-depois-do.html

Matheus Braga disse...

Impossivel não dar 5 estrelas para essa obra prima. Gena Showalter mais um vez mostrou que consegue ir do céu ao inferno em poucas páginas. Adorei sua resenha e acho que ela retratou TUDO o que o livro é, ou seja, ele é TUDO DE BOM!!!!!....kkkk

Abraços,
http://www.vidadeleitor.com/

Deixe um comentário