[RESENHA] A Última Carta de Amor

3/17/2014 Andressa Costa 1 COMENTÁRIOS

OI! Vamos falar sobre A Última Carta de Amor?

O romance de Jojo Moyes se passa em duas épocas com quatro décadas de diferença e possui duas protagonistas. O livro começa com Ellie Haworth, uma jornalista com problemas amorosos, e logo passa para Jennifer Stirling, uma bem casada dos anos 60 que acaba de perder a memória num acidente, esquecendo de várias acontecimentos mais recentes, inclusive do verdadeiro amor de sua vida.

O jornal onde Ellie trabalha está sendo transferido para outro prédio, e  como comemoração, sua chefe a manda fazer uma matéria em que compare uma seção do jornal antiga com o que se escreve hoje em dia. Ela pesquisa o que há de útil no arquivo do jornal e encontra várias cartas de um Boot para uma Jenny. Ao longo do livro, ela se envolve com todo o sentimentalismo das cartas e começa a repensar sua vida amorosa e refletir sobre seus atos e escolhas.


O que me atraiu inicialmente foi por ter um romance nos anos 60 <3 A ideia de uma história de amor nessa época me parece tão mágica mas também real que, honestamente, não senti tanto com a história da Ellie como senti com história da Jennifer. Até porque não consegui gostar da Ellie, mas no judgment, até porque ela contribuiu pra felicidade de Jennifer.

Mas então, eu AMO AMO AMO esse livro. Amo a escrita leve, a forma como a história flui, a capa, e principalmente, o jeito em que foi destacado a importância das cartas e a força que palavras escritas transmitem, ainda mais num mundo de Facebook, e-mails e Whats App em que vivemos né, cartas escritas são raríssimas. Cada carta ou trecho que eu lia escrito por Boot para Jenny me deixava mais e mais apaixonada por ele.

Então gente, o livro é simplesmente encantador, com um enredo que você precisa se envolver com o personagem pra entender e acompanhar, e assim que você faz isso não consegue mais largar. A Última Carta de Amor combina vários elementos: encontros e reencontros, o poder das palavras, sensibilidade, adultério e perdas em geral. É uma história comovente e super bem elaborada, e, digo o mesmo que foi dito pela Stylist na capa do livro: "devia vir com uma advertência: vai fazer você chorar."






Título: A Última Carta de Amor
Páginas: 378
Autor(a): Jojo Moyes
Tradutor(a): Adalgisa Campos da Silva
Editora: Intrínseca

1 comentários:

Fabiana Scola disse...

Por mais que os livros de suspense sejam meus preferidos, adoro a escrita leve da Jojo, são livros que fluem, de facil leitura.A ultima carta é um dos que mais ouço falar e que está agradando muita gente, por isso meu interesse em ler. Gostei da resenha e do modo eufórico manifestado quanto a ter gostado da leitura ahahahahaha isso estimula,sabia? Enfim, mais um pra lista interminável.Sucesso ao Blog.

Obrigada por compartilhar conosco a sua opinião