[RESENHA] Os Hathaways #1: Desejo à Meia-Noite

3/26/2014 Andressa Costa 0 COMENTÁRIOS

OI! Hoje vou começar falar sobre a série de romances históricos da família Hathaway, que começa com Desejo à Meia-Noite. Já estou no terceiro livro e aguardando que nem louca o lançamento do quarto, e por enquanto todos os livros só têm sido muito amooor <3  

Mas então, na série Os Hathaways, de Lisa Kleypas, conhecemos a história da família de estranhos e talvez azarados irmãos. Temos Leo, que perdeu sua noiva para a escarlatina e acabou tornando-se um bêbado devasso; Amelia, que após uma desilusão amorosa dedica-se somente aos irmãos; Win, que por ter sofrido a escarlatina tem sua saúde afetada;  Poppy, que tenta ser capaz de manter-se à altura da sociedade londrina; e Beatrix, a irmãzinha mais nova que é fascinada por bichos e tem um pequeno problema cleptomaníaco. Ah, e também tem Merripen, um misterioso cigano que, ainda quando criança, ao ser encontrado quase morto, foi acolhido pelo pai da família.

Em Desejo à Meia-Noite a história é sobre Amelia. Após uma decepção amorosa, a jovem solteirona desistiu da ideia do casamento e do “felizes para sempre” e insiste em dedicar-se somente aos irmãos. Numa noite em que procurava por seu irmão Leo na parte boêmia de Londres, ela conhece Cam Rohan, um rico meio-cigano e meio-irlandês amaldiçoado pela boa sorte que se encontra infeliz com a vida que leva na sociedade londrina.

Após o primeiro encontro, eles não podem negar a atração existente entre eles, e após um beijo roubado, tratam de tentar esquecer um ao outro. Porém, o destino parece querer juntá-los novamente. Ao se mudar com a família para a recém-herdada residência em Hampshire, eles se reencontram na propriedade vizinha dos Westcliff, e como as famílias logo fazem amizade, a tendência é que se encontrem mais vezes.

Amelia é uma mulher independente que recusa qualquer ajuda e qualquer tipo de intromissão em sua vida, mesmo que seja para seu bem. Apesar da atração que sente por Cam, nega até o fim qualquer sentimento que tenha por ele, que ao mesmo tempo vai fazendo o mesmo. Por ser cigano e presar a liberdade acima de tudo, Cam nunca pôs em seus planos um casamento. Trabalhava num clube de jogos desde os 10 anos e começou a ganhar muito dinheiro investindo em vários negócios que eram certos de dar errado. Após cansar da praga da boa sorte, pretendia largar tudo e voltar às suas raízes ciganas, mas após conhecer Amelia começa a repensar todas às decisões que pretendia tomar para seu futuro e a pensar nas maneiras de fazê-la aceitá-lo em sua vida.

Eu comecei a ler esses romances históricos com O Duque e Eu, da Julia Quinn, e adorei ele justamente por ser histórico rs mas ainda não consegui ler o segundo livro. Então, fui atrás da série dos Hathaways e fique super apaixonada por eles. Cada irmão com sua peculiaridade e cada um com suas lutas internas, e é assim que é mostrado em Desejo à Meia-Noite. Apesar de a história ser sobre Amelia e Cam, como é o primeiro livro já é apresentado um pouco das histórias dos outros irmãos, como o caso de amor platônico entre Win e Merripen, que são os protagonistas do segundo volume da série Sedução ao Amanhecer.

Acho que de tudo que já li esse ano, os Hathaways com certeza já são um dos favoritos. Gostei muito da leitura, e gostei principalmente do fato de juntarem dois personagens que não se encaixam na sociedade: a solteirona da família desfuncional e o cigano que apesar da riqueza, continua sendo um cigano aos olhos da sociedade.

Enfim gente, super recomendo essa leitura. Se você ama romances históricos, ama romances, tá começando a amá-los, podem começar a separar um tempinho pra não perder essa série! 


Título: Desejo à Meia-Noite
Série: Os Hathaways
Páginas: 257
Autor(a): Lisa Kleypas
Tradutor(a): Livia de Almeida
Editora: Arqueiro

0 comentários: