[RESENHA] The Selection #2: A Elite

4/16/2014 Andressa Costa 4 COMENTÁRIOS

Em A Elite, segundo volume da trilogia A Seleção, de Kiera Cass, temos 6 garotas que foram reduzidas de 35. Seguindo o mesmo desenvolvimento do primeiro livro, acompanhamos America Singer, uma garota de 17 anos que veio da casta 5, uma das mais baixas, que entrou na Seleção procurando esquecer seu primeiro amor Aspen, e acabou se apaixonando por Maxon, o príncipe de Illéa que procura uma esposa através do concurso. Porém, ao descobrir que Aspen havia se tornado um guarda no palácio, seus sentimentos por ele voltam, e ela precisa decidir com quem seu coração deve ficar. 

Eu li esse livro suuuuper rápido, mais que A Seleção, do qual vocês podem ver a resenha aqui, e minhas conclusões finais foram: ARGH!




Bom, evitando entrar no lado pessoal, vamos falar a história. Em A Elite o enredo basicamente segue a mesma premissa, como dito acima, mas agora America faz parte da Elite, que originalmente deveria ser composta por 10 finalistas, mas devido à frequência dos ataques rebeldes, a quantidade passou para 6. Entre as finalistas temos ainda Marlee, melhor amiga de America, Celeste, Natalie, Elisa e Kriss. 

America continua confusa sobre pra quem entregar seu coração. Mesmo que sainba que não pode ignorar a necessidade que sente de correr para o conforto de Aspen, ela não consegue negar seus sentimentos por Maxon, que acarretam dois problemas: a coroa e o fato de ele estar com mais 5 moças.
Mas o problema é: Maxon não me pertencia, para começo de conversa. Havia mais outras cinco meninas comigo - meninas com quem ele saía e cochichava coisas -, e eu não sabia o que pensar disso. E também havia o fato de que aceitar Maxon significava ter que aceitar uma coroa, uma ideia que eu tendia a ignorar, até por não saber ao certo como isso me afetaria...


E, claro, havia Aspen.                                                                          
 Ao mesmo tempo que ela se encontrava num impasse amoroso, outra personagem que estava na mesma situação era Marlee. Não sei se vocês que já leram A Seleção lembram, mas Marlee já tinha dito algo sobre não saber se gostava mesmo de Maxon, e se não estou enganada foi logo após America ter visto que Aspen havia ido para o castelo. Ou seeeeeja, o amor da vida dela chegou junto com Aspen ao castelo, o soldado Woodwork, mas prosseguindo: Com o alvoroço da situação dela, America acaba culpando Maxon por tudo o que houve e os dois acabam se afastando. Nesse meio tempo, ele se aproxima de Kriss Ambers.

Uma das coisas que me irritaram um pouco, e que já irritavam em A Seleção, era toda a dúvida da America. Eu entendo que com o Aspen tem todo o lado sentimental de primeiro amor, "fiquei dois anos com ele" e tal, mas em A Elite não acho que isso justifique muitas das atitudes dela, que são completamente irresponsáveis, por parte dos dois. Outra coisa é o Aspen ficar correndo atrás dela. Tudo bem, direito dele lutar pelo amor dela, mas é completamente irresponsável, em sua posição, fazer algo desse tipo, especialmente tendo o exemplo do que aconteceu com Marlee e Woodwork. Fora que, até agora, Maxon não faz ideia de que ele é o cara que quebrou o coração de sua querida America.

Sobre a questão política de Illéa e os rebeldes: muito mais explorados, mas não tanto quanto eu gostaria. Acho que a história roda tanto nas dúvidas e incertezas de America que não teria como explorar mais rs até porque também perderia a graça pra The One. Dá até pra pegar um pedaço do como Illéa virou Illéa, mas ainda te sobra uma sensação de que uma conclusão final de como tudo ocorreu fica faltando. Nesse quesito a história já evoluiu bastante, e ficamos cara a cara com vários segredos que estão por vir.

O livro é mais abrangedor, talvez mais forte que o primeiro. É como se tivesse mais história, mais dúvidas pra nos deixar refletir, e deixar a gente naquela ansiedade pra ler logo como tudo termina. Em maio sairá A Escolha, livro que concluirá a trilogia, e finalmente teremos o desfecho que tanto estamos loucos pra saber como será, fora que ainda têm dois contos: O Príncipe - ponto de visto de Maxon antes e um pouco depois de a Seleção começar - e O Guarda - ponto de vista de Aspen durante A Elite.

Então, agora começa o lado pessoal eu nunca fiquei tão positivamente frustrada com nada como tenho ficado com essa série, e você se sente agarrado com a história de uma forma tão indefinida que não tem como parar. Você fica no mesmo estado emocional dos personagens, você quer matar alguns deles America, você quer atirar o livro no chão, contra uma vidraça, contra um ser humano... E isso foi tudo o que senti. Fora que entrei num estado de ressaca literária horrível. Mas super valeu a pena 


Não se sentia capaz de ser princesa.
Não queria abandonar Aspen.
Não sabia o que fazer.



Título: A Elite | Série: Trilogia: A Seleção | Páginas: 360

Autor(a): Kiera Cass | Tradutor(a): Cristian Clemente | Editora: Seguinte

4 comentários:

Anônimo disse...

It is not my first time to visit this web site, i am visiting this site dailly and get nice facts from here
everyday.

Take a look at my homepage; đọc báo

Anônimo disse...

I enjoy, lead to I discovered exactly what I used to be having a look for.

You've ended my 4 day lengthy hunt! God Bless you man.
Have a great day. Bye

Take a look at my site; freshwater aquarium fish

Anônimo disse...

I was able to find good info from your blog posts.


Here is my blog; boom beach ios cheat

Anônimo disse...

Heya exceptional website! Does running a blog similar to this require a massive amount work?

I have no knowledge of computer programming however I had been hoping to start my own
blog soon. Anyways, if you have any recommendations or tips for new blog owners please share.
I understand this is off topic however I simply
needed to ask. Many thanks!

my web blog: flappy Bird cheat android no Root