[RESENHA] Simplesmente Ana

4/09/2014 Carol Oliveira 1 COMENTÁRIOS


Oi gente hoje vim falar pra vocês sobre Simplesmente Ana, da Marina Carvalho, livro de estréia dela pela editora Novo Conceito! O livro foi lançado ano passado e desde então era um dos meus desejados que cada vez que me falavam dele eu ficava com mais vontade ainda de lê-lo, então em uma de minhas extravagâncias comprei-o  e o devorei! O que posso dizer é que ele é SIMPLESMENTE MARAVILHOSO!

Quando comecei a lê-lo ainda estava com meus receios ainda achava que a história parecia com uma outra mais velha e famosa também. Mas quando li que a própria autora brincava com tal comparação na história, achei o máximo e isso me deu mais ânimo ainda para continuar lendo. 


Outro ponto positivo é que Ana não é criança/adolescente e sim uma jovem mulher, o que torna o livro ainda mais interessante e deixa de lado o drama das outras fases da vida. Sem contar é claro que ela é super prática e morri de rir com seus pensamentos!

Claro que mesmo não se tratando de um livro com dramas adolescentes, ainda  teremos o drama do amor não correspondido. Ou quase isso.  Um dia atoa pelo Facebook, como todos nós ficamos de vez em quando, chega para Ana uma mensagem estranha, muito estranha um homem lhe manda a seguinte mensagem:


"Acho que sou seu pai!"

E a partir dai toda a vida dela muda. Ana querendo tirar a prova essa história, vai ao encontro do homem que entrou em contato com ela e descobre que ele é rei. SIM, REI! de um país no sudeste da Europa chamado Krósvia. E achando essa história louca de mais ela então vai tirar satisfação com sua mãe e a mesma então revela a real história de seu passado, que ela realmente fugiu do pai de Ana, com medo da reação que a família dele teria a ela, namorada brasileira grávida aos 19 anos. 

Achando cada vez mais surreal a história de sua vida, Ana decide dar uma chance para seu pai conhece-la e resolve trancar a faculdade e deixar para trás toda a vida que ela conhecia e ir para o país de seu pai, passar um tempo e conhecer a cultura. E é lá que ela conhece o enteado de seu pai, filho da falecida esposa dele, Alex(). Ele, aliás, se torna seu pior e melhor pesadelo, e nos faz suspirar e rir durante todo o livro!

Ai gente o que falar mais? A escrita da Marina é muito fluida, eu simplesmente devorei o livro em poucos dias e amei a história, e estou louca pela continuação que a autora já prometeu pros fãs!

Além de Simplesmente Ana, a autora tem também lançado pela Editora Novo Conceito os livros: Ela é Uma Fera e Azul da Cor do Mar, esse segunda que tenho e esta na minha listinha de próximas leituras, e logo logo resenha dele por aqui pelo blog!

1 comentários:

É impressionante como realmente devoramos o livro. Você disse tudo. Foi uma leitura que me surpreendeu e que me fez correr para o outro livro da autora.
Bjs, Rose