[RESENHA] On Dublin Street #1: Dublin Street

7/16/2014 Carol Oliveira 0 COMENTÁRIOS


Oi gente hoje vou falar pra vocês sobre Dublin Street um livro que desde que foi lançado pela Editora LeYa eu estava querendo ler... (culpa do nome hehe) E claro a história também parecia muito legal para deixar passar.

Dublin Street conta a história de Jocelyn, ou Joss, como ela gosta de ser chamada. Após perder os pais e a irmã mais nova, Joss, para tentar superar a perda desliga seus sentimentos, e assim passa a viver a vida como se não se importasse com mais ninguém, muitas vezes sem se importar até com si mesma. Depois de terminar o ensino médio, ela decide sair dos EUA e ir estudar na Escócia.


Então a história se passa 8 anos depois do fatídico acidente de sua família, quando a “melhor amiga” e companheira de apartamento dela Rhian se muda para Londres para fazer seu PhD, e Joss se vê tendo que procurar outro apartamento para morar. E é então a caminho para conhecer Ellie Carmichael que ela conhece Braden, bom falar que eles se conhecem é um eufemismo afinal tudo o que eles fazem é dividir o taxi, vários olhares e uma conversa bem estranha.

Ao encontrar com Ellie, Joss se depara com uma casa maravilhosa, e pela primeira vez se dá ao luxo de gastar sua herança com uma coisa que ela acha supérflua.  E claro também começa a dar uma chance a uma pessoa se aproximar um pouco mais de sua vida desastrosa.

Assim que se muda para a casa, Joss então conhece o irmão generoso de Ellie, que não é ninguém mais ninguém menos que Braden! O encontro deles não é nada mais do que desastroso, sério gente muito engraçado!!! E assim uma quase rotina começa a se formar em sua “nova vida”, ela começa a passar os dias escrevendo seu livro, algumas noites trabalhando em um bar e em outras saindo com Ellie e cia.

Até que um dia é convidada para um jantar em família, na casa da mãe de Ellie, e lá acaba tendo um ataque de pânico, e é socorrida por Braden, que para surpresa dela se preocupa, mas também para não deixa-la desconfortável não a pressiona para saber o porquê dos ataques.

Depois desse dia e também de uma briga com Rhian, ela decide procurar alguém com quem conversar e então ela começa a visitar uma psicóloga.
Enquanto ela visita sua psicóloga, Ellie e Braden estão cada vez mais ligados a sua vida sem que ela perceba, até que um dia ele cansa de ficar só olhando e a “ataca” e logo eles começam uma relação muito diferente da que os dois estão acostumados, afinal Braden não é homem de uma relação “just sex” e Joss não é mulher de relação nenhuma!
Eles começam um romance conturbado com medo de magoar um ao outro e principalmente Ellie! E claro, isso tudo até um grande terror voltar a assombra-la, o terror da perda!

Genteeeeeeee, Dublin Street é diferente de tudo que eu imaginei que ele fosse! Tem toda uma carga emocional envolvida e a cada capítulo vemos Joss evoluir em sua terapia, e se tornar uma pessoa diferente, e com isso começar a ver o mundo por outra perspectiva, e temos também Braden que é diferente de qualquer outro “mocinho” que eu já tenha encontrado por ai, com sua bagagem emocional também pesada, não tanto quanto a de Joss, mas também com alguns problemas para resolver.

Dublin Street é uma série de livros dessas novas agora que estamos nos acostumando a ler. Onde o primeiro livro nos apresenta vários personagens e se aprofunda em um casal, e os outros livros vão nos levando para as outras histórias!

Estou doida para que a Editora LeYa continue lançando esses livros para que eu possa saber sobre as vidas dos outros personagens e o que acontecem com eles, e claro saber o que acontece com Joss e Braden <3

Título: Dublin Street| Série: On Dublin Street | Páginas: 400
Autor(a): Samantha Young | Tradutor(a): Natália Klussman Editora: LeYa



0 comentários: