[RESENHA] De Olhos Fechados

12/20/2014 Aninha Goulart 1 COMENTÁRIOS



E hoje nos temos resenha de uma das nossas autoras parceiras... Lavínia Rocha. De Olhos Fechados é a história de uma adolescente, que vive os mistérios que a adolescência nos trás, os mesmos questionamentos e interesses de sempre, então em que a história de Cecília é diferente das demais? É quando ela começa a receber uns papeis beges, com informações estranhas que tudo muda...


Cecília é uma adolescente de 15 anos, que perdeu a mãe e o avô de uma maneira misteriosa, uma dor nunca superada, ela segue a vida ao lado do pai e da irmã. Junto com a melhor amiga Bianca, Ceci (como é tratada pelos amigos e familiares) segue vivendo todas as surpresas que a adolescência apresenta, incluindo se apaixonar. 

A diferença entre Ceci e as demais adolescentes, são os bilhetes que ela recebe misteriosamente, com diversas dicas e ameaças, sobre algo que ela não entende. Porém o que mais surpreende é a maneira como Cecilia vê as coisas... Cecília é cega, e este é o fato que a diferencia das demais adolescentes, não o fato de ser deficiente visual, o fato de que mesmo sem a visão, ela enxerga o mundo de uma maneira diferente, ela vê melhor do que aqueles a sua volta que se utilizam da visão para enxergar o mundo.

Quando Cecilia conhece Tiago, ela faz de tudo para não se envolver com ele, nos mostrando como às vezes a própria pessoa tem um preconceito com ela mesma, porém grande parte da história se dá por que ele a ajuda. É Tiago quem ajuda Ceci a decifrar e a seguir as misteriosas pistas, e é neste cenário que eles se envolvem mais ainda, e que nos é apresentada uma história de amor quem tem tudo para ser só mais uma entre adolescentes, mas que acaba por te fazer torcer para que nada de errado aconteça com o relacionamento deles.

A Lavínia nos faz envolver de uma maneira na história, que quando você se assusta já está quase acabando o livro (porque começa a ler desesperadamente para saber o que irá acontecer), porém a história é tão boa, que você acaba fazendo o possível para adiar o fim. Se fosse somente uma história de romance adolescente já seria um livro ótimo, é bem escrito e de uma maneira que te envolve sem que você perceba, mas o mistério que envolve os bilhetes beges e o futuro da cidade que é revelado através deles é muito mais instigante e é exatamente isto que faz o livro ser maravilhoso.

É uma história que contem mistério e romance, e diversas formas em que o amor é expresso (família, amigos, etc.) a única coisa que realmente lamentei, foi que o livro acabou muito rápido rs.Instigante, animado, misterioso e com um toque de drama, são alguns dos aspectos que fazem você não querer largar este livros. E está é uma daquelas histórias que realmente valem a pena ler :D

1 comentários:

Lavínia Rocha disse...

Amei muito a resenha, Aninha! Muito obrigada! Vou postar logo lá na página "De Olhos Fechados"! Beijão!