[SÉRIES] Orphan Black



OI! Gente, vocês já viram Orphan Black? Por favor, digam que sim! Preciso de pessoas com quem falar sobre isso!


A primeira vez que eu soube da existência da série canadense foi pelos inúmeros gifs e fotos que surgiram no tumblr de uma mesma mulher com cabelos diferentes ou dela se agarrando pra lá e pra cá com um cara lindo. Aí descobri que era ficção científica, e não imaginava que fosse gostar tanto, mas depois do primeiro episódio a curiosidade falou mais alto e estou desde junho de 2013 ansiosa pra segunda temporada.

Top 10 de Terça: Filmes de Sessão da Tarde

OI gente! Como vocês devem estar percebendo nós gostamos de sair no tapa hahahaha Brincadeirinha. Como vocês devem ter percebido desde semana passada estamos com a intenção de toda Terça-Feira fazer um "Top Alguma Coisa" e essa semana não é diferente. Porém, por problemas técnicos blogger nos odeia, o post está saindo na quarta.. mas não deixa de pertencer às terças rs mas então, nos colocamos a pensar em várias coisas para fazer! Essa semana escolhemos falar de um tempo nostálgico em que a gente podia ficar em casa (aqueles que não estudavam/estudam de tarde) assistindo aos maravilhosos filmes de "Felizes para sempre" que sempre embalavam nossas tardes! Então, vou parar de enrolar e vamos aos filmes!

[RESENHA] A Última Carta de Amor

OI! Vamos falar sobre A Última Carta de Amor?

O romance de Jojo Moyes se passa em duas épocas com quatro décadas de diferença e possui duas protagonistas. O livro começa com Ellie Haworth, uma jornalista com problemas amorosos, e logo passa para Jennifer Stirling, uma bem casada dos anos 60 que acaba de perder a memória num acidente, esquecendo de várias acontecimentos mais recentes, inclusive do verdadeiro amor de sua vida.

O jornal onde Ellie trabalha está sendo transferido para outro prédio, e  como comemoração, sua chefe a manda fazer uma matéria em que compare uma seção do jornal antiga com o que se escreve hoje em dia. Ela pesquisa o que há de útil no arquivo do jornal e encontra várias cartas de um Boot para uma Jenny. Ao longo do livro, ela se envolve com todo o sentimentalismo das cartas e começa a repensar sua vida amorosa e refletir sobre seus atos e escolhas.