[RESENHA] Contato Visual

8/31/2016 Tiffannyk 15 COMENTÁRIOS


Li esse livro a um tempo atrás, coisa de uns 2 anos. Comprei ele depois de ler a sinopse numa daquelas promoções maravilhosas de 5 livros por 50$ Dilmas. Livros de mistério são a minha cara, não dava para deixar passar.

Contato Visual é tremendamente envolvente.  A história conta um estranho caso em uma escola primária, duas crianças da classe especial somem do playground na frente de todo mundo por horas. Por se tratar de crianças especiais, ninguém consegue entender ou explicar a quebra de rotina.


A história realmente começa quando conhecemos Adam, um garotinho autista de 9 anos que é encontrado junto com o corpo de Amelie, a outra criança desaparecida. Normalmente crianças não são as melhores testemunhas de crimes, mas nesse caso é ainda mais complicado, pois Adam não é muito comunicativo e só fala nos seus melhores dias.

Como se trata de um livro em terceira pessoa, você acaba conhecendo bem todos os personagens, incluindo Cara, a dedicada (ou seria controladora?) mãe de Adam. Cujo o passado, está mais relacionado com o presente do que é capaz de suspeitar.

Entre um esforço e outro de Cara, para conseguir extrair qualquer coisa do filho, você vai conhecendo outros personagens, outras crianças e seus respectivos problemas. Como Morgan, que cometeu um erro terrível e quer compensar o que fez resolvendo o assassinato de Amelie.

As pessoas costumam dizer que crianças são cruéis, que se curam bem rápido e que tem uma visão de mundo onde não existem problemas. Cammie McGovern mostra um pouco do que acontece na vida de centenas de crianças pelo mundo a fora, para ganharem estereótipos como esses. Ela consegue fazer a gente perceber como às vezes se importar de mais, querer de mais, é o que gera todos os nossos problemas.

A forma como a Cammie consegue contar coisas do passado e fazendo conexões com o presente é bem legal. Esse é aquele tipo de história que vai te dando peças do mistério pelo caminho, conforme a investigação progride, você vai compreendendo as coisas como se fosse um investigador do fato.

Quando a linha de raciocínio de Adam vai chegando ao fim da linha, no culpado, você só quer gritar com a Cara para ela parar. Ela é uma ótima mãe, mas sua ânsia de ajudar ao filho acaba complicando mais o que já é complicado. O livro é muito bom, mas a capa não é tão boa, os erros na edição são mínimos. Vale bem a pena, por que o preço dele também é bem interessante.


Título: Contato Visual | Páginas: 306 | Autor(a): Cammie McGovern
Tradutor(a): Alyne Azuma | Editora: Novo Conceito

15 comentários:

Olá ♥
Ainda não conhecia esse livro, mas achei a premissa extremamente envolvente, só não gostei muito da capa. Sou mega fã de suspenses e acho que esse é muito bom. Anotei a dica, com certeza.
Beijos,
Um Oceano de Histórias

Tiffannyk disse...

Também não gosto muito da capa não.

Comprei o livro pela sinopse naquelas promoções de 10 reais, mas não me arrependi, já li ele umas 2 vezes.

Ele é muito bom.

Oi esse livro da Novo Conceito eu não conhecia, e a sua resenha me fez ficar bastante interessada em fazer essa leitura, realmente gostei muito do que li, que premissa interessante e rica, mas sinceramente que capa feia, né?
Ainda bem que a história compensa.
Beijos
Conversas de Alcova ♥

Grazi Moraes disse...

Olá...
Apesar de ser uma amante de mistérios, esse não sei porque não me chamou muito a atenção.
Concordo que a capa também não ajuda muito.

Beijokas!
www.facesdeumacapa.com.br

Oi!
Não conhecia esse livro mas já fiquei intrigada com esse livro que parece ser bem inquietante. Adoro u bom mistério e esse parece valer a pena, apesar de ter que concordar sobre a capa ser feia.
Beijos!

Jaque Chagas disse...

Olá, tudo bem?
Olha quando vi a capa pensei: "esse livro desde ver chato".
Mas,a sua resenha me fez pensar. Fiquei meio sem fôlego. E com vontade enorme de saber quem é o culpado. E o porque da mãe do outro menino e tão "protetora" ou o que a outra mulher fez de ruim que só quer ajudar.
Super instigando essa resenha. Já anotei na lista.
Beijos e parabéns!

Olá!! :)

Eu não conhecia o livro mas ainda bemq eu gostaste assim tanto! :) Quero ler! Gosto do género e a premissa também me agradou! :)

Que bom que faz bem as conexões do passado com o presente! :)

Boas leituras!! ;)
no-conforto-dos-livros.webnode.com

Olá!
Eu já julguei o livro pela capa e achei que seria chato, mas mordi minha língua né. Achei muito interessante o menino autista ter presenciado o crime, muito legal a autora falar sobre essa doença. E essa mãe que fica pressionando a criança?´Dá vontade de bater mesmo.
Beijos.
http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

Aiiiii, eu tenho este livro e também fiquei curiosa para ler mas nunca paro para ler ele. Agora fiquei mais interessada pela sua resenha. Foi uns dos primeiros que a NC publicou e deveria ter capricado mais na capa mesmo né, mas a história parece super envolvente. Obrigada pela resenha, porque agora vou colocar na frente de outras leituras!

Beijos,

Greice Negrini

Blogando Livros
www.blogandolivros.com

Achei a capa bem bonita, só não gostei do olho no meio, achei meio macabro KKK, a história parece ser bem legal e interessante, também adoro suspense e nunca tinha lido nenhum que continha crianças autistas, então acho que vai ser uma leitura super curiosa

NeyaRa disse...

Achei a capa assustadora, achei que o livro falava sobre espíritos e maldições, mas o enredo me pareceu bem interessante, além do mistério do que aconteceu, ainda tem a relação com as crianças especiais. Um verdadeiro achado e com o preço maravilhoso!
Parabéns pela resenha!
Beijo

http://capsuladebanca.blogspot.com.br/

Cássia disse...

Promoções onde os livros saem por R$10,00 são sempre ótimas pra nos fazer encontrar livros que de outra forma não leriamos. já encontrei bons livros assim também.
Gosto bastante de tramas policiais e fiquei curiosa com este livro por envolver crianças especias, elemento que nunca encontrei em nenhum outro livro policial ou de mistério.

Confissões de uma Mãe Leitora

Jean Silva disse...

Olá
Me interessei bastante, já esta na minha lista <3
Abraços.

Oi, tudo bem? Estou intrigada com esse livro, a capa realmente não é das melhores, mas a premissa já chama mais atenção. Essa forma de fazer a conexão entre passado e futuro é muito boa mesmo, acho que acrescenta muito em um livro de mistério. Ótima dica, beijos.

Heey, tudo bem? Adorei tua resenha! Eu não lembro de já ter lido algo sobre esse livro, mas como amo um bom mistério já fiquei curiosa para ler e descobrir o que realmente aconteceu com essas crianças. Dica anotadíssima!

Beijos