[RESENHA] A Crônicas de Nárnia #1: O Sobrinho do Mago

9/07/2017 Aninha Goulart 15 COMENTÁRIOS


Oiii seus lindos, já tem muito tempo que eu estou para vir aqui contar para vocês sobre As Cronicas de Nárnia, mas ai eu fico deixando para depois ou penso que devo falar do volume único como um todo, mas ai não faria muito sentido não é mesmo? E a resenha ficaria imensa! Então finalmente decidi que irei falar de livro por livro (que é o mais óbvio né? Eu é que estava pagando de louca) Então vamos falar um pouquinho sobre O Sobrinho do Mago, o livro que inicia as cronicas (e que infelizmente não tem filme), e que me fez entender o porque de algumas coisas dos livros da sequencia, então vamos ao que interessa né?

Digory e Polly vão parar no gabinete secreto do excêntrico tio (Do Digory) André. Enganada por ele, Polly toca o anel mágico e desaparece. Digory, aterrorizado, decide partir imediatamente em busca da amiga no mundo para o qual ela foi (seja ele qual for). Lá ele encontra Polly e, juntos, ouvem Aslam cantar sua canção ao criar o mundo encantado de Nárnia, repleto de sol, árvores, flores, relva e animais.

Gente pensem em uma história incrível? é a de O Sobrinho do Mago, porque mostra o inicio e como tudo aconteceu, desde a criação de Nárnia até a profecia que leva os irmãos mais queridinhos (pelo ou menos para mim) do mundo para a encantadora Nárnia através do Guarda- roupa. 

É preciso ressaltar que o primeiro mundo visitado por Digory e Polly não é Nárnia (até porque ela ainda não existia), e que não é o fato de eles visitarem outros mundo que torna a história de Nárnia como nos a conhecemos. 

Tudo neste livro me encantou, a maneira leve como a história é descrita e como cada fato é bem encaixado, como vários questionamentos que eu tinha depois de ver o filme (Sim eu vi todos os filmes antes de ler o livro, possivelmente por falta de vergonha na cara, mas não vem ao caso rs) e quando eu comecei o livro eu já tive várias respostas e várias teorias sobre como as coisas chegaram ao ponto que eu conhecia (em algumas eu estava certa e em outras estava bem errada).

Eu preciso dizer que quando comecei a ler eu tinha duas ideias fixas: ou eu ia amar o livro e ficar com raiva dos filmes por terem omitido coisas, ou eu ia detestar o livro por ele ser bem menos do que eu esperava. E adivinhem o que aconteceu? Eu cai do cavalo (obviamente, porque  sabemos que é algo que eu faço com frequência), o livro é muito mais do que eu esperava e eu continuei amando os filmes da mesma maneira, porque embora não tenha um filme retratando o inicio (o que é bem triste), os filmes lançados são muito parecidos, com cortes que não interferem no bom desenvolvimento da história (no meu ponto de vista claro).

O que posso dizer para vocês é que todos os personagens são muito bem construidos, que o Digory me irritou muito em alguns momentos, mas depois eu ainda estava amando ele, que a Polly é uma garotinha muito inteligente e que embora não confie nas decisões do amigo as vezes ela o segue pra não deixar que ele se dê mal, e que todos os outros personagens odiosos são realmente assim, e principalmente: Temos a certeza de que o Aslam é o mais incrível (fodastico) que poderemos conhecer.

Eu simplesmente me apaixonei pelo inicio de Nárnia, pela maneira como tudo foi criado e pela simplicidade com que cada coisa adquire forma, eu me senti muito alegre com cada pagina (daquele tipo que da vontade de abraçar o livro e ficar sorrindo pro nada) e fiquei desesperada para ler a próxima história, o que quer dizer que em breve eu venho aqui contar para vocês o que eu achei de O Leão, a Feiticeira e o Guarda- roupa.
Título: O Sobrinho do Mago | Série: As Crônicas de Nárnia | Páginas: 184Autor(a): C.S. Lewis  | Editora: WMF Martins Fontes

15 comentários:

Olá Aninha;
Tenho o livro a cerca de uns 4 anos e nunca li, acredita?! E se deve ao motivo citado por você, ou vou amar, ou odiar e tenho medo que seja a segunda opção.
Espero em breve dar uma chance a ele e também cair do cavalo rsrs

Boa semana.
https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/2017/09/voce-quer-um-balao.html

Tais Burigo disse...

Oi tudo bem?
Confesso que diferente de você eu não curti tanto o livro quanto gostei dos filmes (até abandonei a leitura :() Acredito que por não gostar tanto de fantasia fez com que a leitura não me agradasse tanto.

Beijos

Marijleite disse...

Olá, amei sua resenha. os filmes de As crônicas de Nárnia são os meus favoritos, mas apesar de eu ter esse volume único há anos na estante, não li até hoje (vergonha! rsrs). Depois da sua resenha, sabendo que você gostou tanto, vou fazer o possível pra ler o livro logo.

oie,
Apesar de ter visto todos os filmes até hoje não li nenhum livro de Narnia, acredita?
Sou doida para conhecer a história mais afundo e sua resenha me despertou essa vontade novamente. O Sobrinho do Mago parece ser muito bom!
Beijos
Blog Relicário de Papel

Lorena Caribé disse...

Olá! Tenho esse livro e acho incrível as histórias. Já vi os filmes também e sou apaixonada. Com certeza vale super a pena a indicação. Ótima resenha, super bjo

Bruna Eduarda disse...

Olá! Então, a premissa do livro aparenta ser beeem interessante. Eu não sou muito fã dos filmes, admito, então por isso nunca me interessei pelos livros. Mas eu fico feliz que você gostou assim, vou deixar a dica passar 💙

Um beijo

Acredita que tenho esse livro há um tempão e ainda não li? Sempre acabo deixando pra depois, o que conheço da história é só o primeiro filme, nunca mais vi nenhum e acabei não lendo também. Adorei suas impressões a respeito da obra, e fiquei curiosa pra ler também. Mas pretendo ler de um tacada só. Vamos ver se consigo um tempinho pra isso.

;D
Nelmaliana Oliveira

Thalia Mirelly disse...

Olá!Tudo bem?
Eu tinha Nárnia ate um tempo atrás e dei para um amigo.Não consegui ler pois o livro é enorme e me dava agonia imensa ter que anda com aquela bíblia na bolsa.Mas não que dizer que abandonei os livros,quero comprar separados.
Ainda lembro que li sobre os anéis e só.Fiquei com uma pontinha de interesse a continuar ainda mais.é preciso conhecer o mundo de Nárnia.
gostei muito da sua resenha.
bjs

Oi Aninha, como está?
Permita-me dizer que está agindo MUITO certo ao ler "As Crônicas de Nárnia". Simplesmente um dos grandes pilares da fantasia tal como conhecemos e que merece ser lido por todos se querem saber como a gênero se tornou tal como ele é atualmente. Ok, "O Senhor dos Anéis" é clássico incontestável, mas a obra do C. S. Lewis é imprenscindível!
Abraços e beijos da Lady Trotsky...
http://rillismo.blogspot.com

Oi.
Eu li esse livro volume único há muito tempo e acredita que não lembro de praticamente nada?
Ainda tenho o livro aqui em casa e pretendo reler. Não lembro nem se gostei ou não. E isso é estranho porque não costumo esquecer assim.
Sua resenha me deixou com vontade de reler o livro, acho que vou passar na frente de outros.
Beijos.

Diane disse...

Olá...
Adorei sua resenha!
Adoro AS CRONICAS DE NARNIA, mas, como já assisti todos os filmes e já peguei spoiler pra @#%!&#, prefiro não ler :(
Mas, gostei demais de sua resenha e fiquei imaginando como deve ser bom ler os livros, pois, se os filmes são bons imagine os livros? Kkkk...
Bjo

Oi!
Faz muito tempo que li esse livro e parei nele mesmo, não por não ter gostado, mas decidi ler por partes também e acabei passando outras leituras na frente, até que vendi o meu exemplar.
Mas enfim, concordo com você, é uma pena os filmes não retratarem esse início, pois ele é perfeito e dá um super sentido à história e como surgiu o tal armário.
Espero que algum dia façam algo com tal história

Oie, tudo bem?
Meu sonho seria a netflix lançar uma série com sete temporadas, cada uma contando cada livro de Narnia! Seria perfeito, pois apesar dos filmes serem lindos, uma série com a tecnologia que temos hoje, seria maravilhoso!

Tamara Padilha disse...

oie, eu nunca me interessei por essa série, mas sua resenha foi tão fofa, cativante que me deixou bem tentada a lê-la. Gostei de saber que é do tipo de livro que deixa a gente com vontade de abraçar a obra, eu fico fascinada por esses.

Oie!
Que saudades que senti desse livro quando li sua resenha.
Fiz a leitura dele há muito tempo e lembro que me encantei ao extremo com esse livro e os personagens, mas só lembro isso.
Acho que vou tentar reler e rever os filmes, estou precisando dessa proximidade com essa história.
Beijos