[RESENHA] Amores Improváveis #1: O Acordo

12/05/2017 Jessie 0 COMENTÁRIOS


Desde que a Editora Paralela lançou O Acordo, esse livro estava "encalhado" aqui na minha estante, já tinha começado e parado a leitura algumas vezes porque estava passando por uma daquelas terríveis ressacas literárias, mas semana passada ela finalmente passou e cá estou eu para contar o que achei desse livro para vocês.

Hanna Wells é uma jovem adulta que cursa música na prestigiada Briar, uma prestigiada universidade do Iwoa. Ela não é muito de festas, só vai para alguma quando sua melhor amiga a arrasta para alguma, não é muito popular também, mas é inteligente e totalmente caidinha por Justin Khol, um jogador de futebol americano muito popular e que nem nota a sua existência.

Garret Graham é o estereótipo do cara popular: bonito, pegador, capitão do time de hóquei, ele aparentemente não tem dificuldade de conciliar tudo isto, mas quando ele vai mal na prova de Filosofia (na qual Hanna tirou total!) ele vê seu futuro incerto: se não conseguir melhorar pode dizer adeus ao seu lugar no time.

É assim que ele acaba percebendo a existência de Hanna (ou Wellsy, como ele a chama) e mostrando que a insistência e uma boa proposta têm seu valor: ele ajudará Hanna a ser notada por Justin e ela o ensinará filosofia a ele, mas as coisas podem se começar a se complicar quando a improvável amizade se transforma em algo mais.

Apesar dos esteriótipos de cada um, há um drama muito grande envolvendo Hanna e Garret e ele vai sendo apresentado ao leitor de maneira muito interessante, no começo são só pistas (principalmente sobre o passado dela), mas que já vai nos preparando para o momento em que as histórias serão reveladas.

Achei toda a trama muito bem desenvolvida, com personagens secundárias bem construídas e não ali apenas "por estar". O background do casal é absolutamente pesado (não posso contar qual é ou seria muito sem graça) e eu honestamente fico com os dois pés atrás quando vejo uma história indo para este lado porque pode dar muito errado se a autora não souber trabalhar o enredo e os sentimentos das personagens para ficar algo crível. Elle Kennedy soube fazer isto com maestria.

Neste momento eu acabo de começar o livro três da série (que contém apenas quatro volumes. Um para cada amigo citado no primeiro livro) e apesar de ter gostado muito da história do Logan (O Erro) eu não consegui me sentir ligada à trama tanto quanto neste, muito em função da protagonista, mas isto é assunto para a resenha do próximo livro!

Acho importante falar que este é um livro erótico sim, apesar de que neste contexto o sexo tem um significado muito maior, muito mais profundo e tocante. Não estamos falando apenas de pegação entre duas pessoas que começaram o livro se achando atraente (não que este tipo de enredo me incomode).

É interessante ressaltar que o livro é narrado em primeira pessoa alternando o ponto de vista dos dois, o que me agrada muito já que assim podemos entender bem a motivação de cada personagem. Para quem não sabe, este é o meu tipo favorito de narrativa.

O Acordo é um livro que fala de cicatrizes, traumas que todos levamos conosco pela vida e como cada pode reagir de uma forma completamente diferente a este tipo de coisa. Se você não gosta de livros eróticos ou acha que o gênero traz apenas histórias rasas recomendo que leia esta obra para ver que pode estar perdendo muito ao julgar um livro antes de lê-lo.





VÍDEO


E bateu aquela preguicinha de ler a resenha? Então aproveita que tem vídeo com a minha opinião sobre O Acordo! Não se esquece de deixar aquele joinha no vídeo caso goste tá bom? 



Não deixe de se inscrever no canal para ficar por dentro de tudo que rola lá!


Título: O Acordo | Série: Amores Improváveis | Páginas: 360  
Autora: Elle Kennedy | Tradutora: Juliana Romeiro | Editora: Paralela

AMORES IMPROVÁVEIS
O Acordo | O Erro | O Jogo | A Conquista

0 comentários:

Obrigada por compartilhar conosco a sua opinião