[RESENHA] Como Parar O Tempo

12/03/2017 Paraíso Literário 13 COMENTÁRIOS


Assim que vi que a HarperCollins Brasil lançaria Como Parar O Tempo mal pude esperar para conferir a história do livro que é muito elogiado pelos vários blogueiros gringos que sigo. Então isso significa que as minhas expectativas estavam nas alturas, tenham isso em mente ao ler esta resenha!


O livro nos apresenta a história de Tom, um homem de quarenta anos que praticamente parou de envelhecer (na verdade ele envelhece muito vagarosamente!) há alguns séculos atrás, um problema que outras pessoas da sua realidade também compartilham. Acontece que na Sociedade Albatroz (nomeada assim por seu líder o qual a intitula Alba - seu nome real é Hendrich), há algumas outras pessoas que passam por esse problema também.

Os Albas ajudam pessoas com este tipo de condição a se adaptarem as suas realidades e se manterem em segredo para o restante do mundo, mas como qualquer grupo eles possuem algumas regras e a mais importante delas é, jamais, de jeito nenhum, se apaixonarem por alguém. Ahh e claro, eles devem estar disponíveis para executar missões para Hendrich.


Sabendo desse contexto e de que a jornada de Tom até aqui não foi nada fácil (desde ver a mãe fugindo por ser acusada de bruxaria até mudar de identidade com frequência), ele agora está atrás de algo muito mais importante e valioso: sua filha há muito perdida. E para isso decide se tornar um professor de história e voltar a Londres, mas ele não apenas ensina a matéria: Tom relembra tudo que tem guardado em sua memória nos últimos quatrocentos anos. E uma inesperada ligação pode fazer com que seja muito difícil seguir a maior regra dos Albas de nunca se apaixonar.


Decididamente Como Parar O Tempo é uma leitura extasiante para quem gosta de fantasia. Tom é um personagem apaixonante, e eu realmente fiquei tocada quando ele começa a reviver certos momentos de seu passado. A sociedade alternativa e suas regras são bem interessantes também, apesar de eu ter odiado os Alba e Hendrich por toda a história não é difícil compreender a motivação deles, mesmo não conseguindo concordar com elas.


Um outro ponto bem interessante é o debate proposto sobre viver eternamente ou ter uma vida muito longa versus ver seus entes queridos e amigos envelhecendo e morrendo. Acredito que todo mundo, em algum ponto da vida, chegou a desejar a imortalidade sem de fato ter noção de quanta coisa se perde com ela. 


Bom, apesar de este parecer ser um livro bem romântico acho bem interessante ressaltar que o foco principal não é o que Tom e a personagem alvo de seus sentimentos sentem. Claro, ele é um dos elementos da trama, mas ela realmente extrapola esta questão e outras coisas ganham destaque durante a narrativa como por exemplo o fator histórico e talvez a única coisa que tenha me incomodado um pouco foi a resolução tão rápida do romance, mas eu entendi a escolha do autor ao tomar este caminho em sua obra. 


O fato é que estamos falando de um homem que quase não envelhece e que viveu quatrocentos anos, então o que foco é  nele, no viu durante todos esses séculos, e isso é absolutamente explorado por Haig. O livro tem questões históricas muito bem construídas e desenvolvidas e eu adorei conhecer certos fatos e curiosidades que, admito, não sabia antes e fui pesquisar para saber se eram reais.


Se ainda sobrou dúvidas quero deixar claro que adorei a leitura. Dito isto, estou apenas aguardando a adaptação de Como Parar o Tempo, porque sério, preciso ver este enredo nas telas de um cinema!










Título: Como Parar O Tempo || Autor: Matt Haig 
Páginas: 320 || Editora: HarperCollins Brasil 

13 comentários:

Daiane disse...

Olá, tudo bem?

A capa do livro já me chama a tenção, e suas colocações sobre o enredo me encheram de expectativas. Eu não conhecia a obra, acabei de ser apresentada, obrigada por isso! A premissa da trama é muito interessante e fiquei bastante instigada com ela. Gosto muito da temática, então tenho certeza que vou gostar bastante da leitura, e torço muito para que isso aconteça.

Beijão!

Achei essa capa muito fofa! Estava esperando apenas um romance, doce ilusão... Tem muita história aí, literalmente! Bacana ele se tornar professor e usar sua condição para auxiliar sua profissão, achei um amorzinho!

Me chamou atenção quando li que o livro tem questões históricas, já amo isto. Acho que um livro bem construído precisa destes elementos. Me pareceu um pouco com o filme Adaline que achei tedioso e não terminei de assistir, mas este é diferente no sentido de ter mais valor.

Thalia Mirelly disse...

Olá!
Que capa linda!Realmente amei❤
A história parece bem interessante e única.Acho que essa parte da sociedade é muito maravilhosa!
Me lembrou um drama que assisti e que personagem era imortal e sofria muito com as perdas.
Leria esse livro sem pensar.
Bjs

Ivi Campos disse...

Não sou de ler fantasia mas confesso que sua resenha me deixou curiosa, principalmente pelos elementos históricos. A capa também está uma graça e quero conhecer logo esta trama!!!
MEU AMOR PELOS LIVROS
Beijos

Laneeh Martins disse...

Olá, tudo bem?

Gente, que livro é esse? Não é minha temática favorita, mas fiquei com muita vontade de ler essa história. Dica anotada!

Beijos

Marijleite disse...

Olá, acho a capa desse livro uma graça mas ainda não sabia do que se tratava a história. Achei bem interessante essa premissa de o personagem envelhecer muito devagar e ter essa questão dessa sociedade secreta de outros como ele.

Anelise Besson disse...

Olá!

Eu adoro a premissa desse livro, nem sabia que tinha chegado no Brasil já. Esse debate sobre viver para sempre ou não, sempre me deixa pensativa, porque eu AMO viver, mas será que eu suportaria ver todos que eu amo envelhecerem e irem embora? Pois é. Vou buscar adquirir o livro, adorei a sua resenha.

beijos!

Olá,

Eu tive a oportunidade de ler um outro livro do autor, gosto da escrita dele e de como desenvolve suas histórias, mas confesso que ele desejou a desejar na criação dos personagens. Porém, adoro ler livros de fantasias e estou vendo muitos elogios a esse livro, então estou curiosa para conhecer melhor a obra e saber o que irei achar desse segundo contato com o autor.

Beijos,
oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

Delmara Silva disse...

Oi,
não acompanhei a ascensão do livro no exterior mas aqui já vi que ele tem ganhado bastante destaque desde o lançamento o que despertou minha curiosidade e interesse, a premissa certamente arremete a um livro que me tirará da minha zona de conforto, mas estou curiosa para conhecer melhor os recursos utilizados para trabalhar essa história, e o fato de os acontecimentos históricos estarem bem apresentados já me anima ainda mais para conferir logo a leitura;

Abraços!
Nosso Mundo Literário

Olá!!

Adorei sua resenha e adorei a história, tudo, ja´quero!!! Gosto muito de fantasia nesse contexto histórico e fiquei curiosa para ver como essa se desenrola!!!
Obrigada pela dica
Bjs

Book Obsession disse...

Olá!
Estou muito curiosa para conhecer essa leitura. Comprei o ebook e acho que vou amar. Apesar de ler pouco fantasia, tenho curtido bastante algumas obras e essa me parece ser bem envolvente e fluida.
Beijos!

Camila de Moraes

Oie, tudo bem?
Ahh, eu adoro distopias e quando é adicionado algum fato histórico real, o livro fica muito melhor! A capa dessa edição é linda, e eu amei tudo o que você citou na sua resenha! Já foi pra minha listinha <3

Obrigada por compartilhar conosco a sua opinião