[RESENHA] Lessons In Love #1: Como Se Vingar De Um Cretino - Paraíso Literário

10 de abril de 2018

[RESENHA] Lessons In Love #1: Como Se Vingar De Um Cretino


Oi gente! Hoje vim contar para vocês as minhas impressões sobre o livro Como Se Vingar De Um Cretino da Suzanne Enoch e que foi lançado no mês de março pela Editora Harlequin

Lady Georgiana Halley é a herdeira de uma fortuna enorme e de uma beleza inconcebível o que lhe garante pedidos de casamento semanais de todos os homens de seu círculo social, mas ela não aceita e aos vinte quatro anos ninguém entende porque a jovem dama está a caminho de se tornar uma solteirona.

O Visconde de Dare por outro lado está em uma situação complicada, depois da morte do pai, Tristan percebeu que estavam à beira da falência e agora, aos trinta anos, busca uma herdeira com quem possa se casar e salvar sua família. Claro que lady Georgiana seria uma ótima (talvez a melhor!) opção, mas os dois compartilham um segredo em seus passados que torna a convivência no presente impossível e, por isso, ele volta seu charme para Amelia Johns, uma debutante de dezoito anos, rica e aparentemente manipulável. A escolha perfeita.

Depois de uma notícia sobre o mau comportamento do Visconde de Dare, Georgie e suas amigas, Evelyn e Lucinda, decidem que vão, cada uma, ensinar uma lição a um cavalheiro diferente sobre como deve se tratar uma dama e assim, o escolhido de Georgie é o incorrigível Tristan, quem mais merece aprender uma lição senão aquele que inspirou a ideia?


Ao maquinar seu plano ela percebe que tem de ficar o mais próxima possível do visconde, por isso, quando descobre que a tia Mili de Tristan está acamada, a garota não perde tempo e oferece seus préstimos para cuidar da solteirona. Ela aceita imediatamente e, como Georgie mora com a tia, uma duquesa viúva que não precisa mais de sua companhia desde que o filho se casou, ninguém tenta impedi-la de ir se hospedar na casa do Visconde de Dare por um tempo, para ajudar sua adorável tia, claro.


Tristan desconfia logo das intenções que levaram lady Georgiana à se hospedar em sua casa, mas como negar ajuda a sua tia Mili e companhia feminina à tia Edwina? Além do mais ele tem algo maior e mais importante com que se preocupar: o futuro de toda a sua família. Mesmo assim o visconde decide que vai dar um jeito de descobrir os planos da moça.


Os dias se passam e Tristan continua sem entender as motivações de Georgie e sua interação com a família se torna cada vez maior e até Bit, seu irmão traumatizado, parece ganhar um pouco mais de vida perto dela. Bradshaw, Andrew e Edward, seus outros irmãos, também a adoram e parecem não compreender o motivo de Dare a detestar.


Georgiana por sua vez não consegue crer que o libertino sem coração que conhece pode ser tão amável com os membros da sua família. As linhas que se colocou quando decidiu ensinar uma lição à Tristan começam a ficar borradas e isso pode ser um caminho sem volta.


Para quem acompanha o Instagram do site (@paraisoliterario, segue lá!) sabe que fiquei bastante envolvida com a história da Georgie e do Tristan. Adoro livros onde o casal principal tem uma relação de gato e rato. Sempre me me divirto com as discussões acaloradas que esse tipo de casal gera.


Georgiana está muito à frente de seu tempo. Não aceita que a tratem com menos do que um respeito absoluto, não aceita pedidos de casamentos motivados por falsa afeição ou mesmo interesse em seu dote e, de jeito nenhum, se submete a qualquer coisa que não seja de sua vontade.


Tristan é ambíguo, ao mesmo tempo que é um canalha com as mulheres, também é extremamente cuidadoso com as tias e os irmãos. Mesmo com Georgie ele acaba tendo momentos bastante carinhosos, mas trata Amelia sem nenhuma cortesia e ela deveria se tornar sua futura noiva.

Há personagens pelos quais me encantei, Bit, o irmão do meio (se não me engano), possui um trauma muito grande que só é revelado superficialmente no fim da história e eu gostaria de saber mais sobre ele. Tem também o jovem Edward, que é apenas uma criança de oito ou nove anos, e que me conquistou. 


As tias Mili e Edwina são sensacionais. Bradshaw aparece bem pouco e Andrew é pouco mais que uma mobília para a trama. Frederia, a duquesa viúva, tem seus momentos assim como seu filho. E por falar no filho da duquesa... Tive a impressão de que há um livro dele, mas ainda não pesquisei a respeito. Se você souber por favor me conte nos comentários.

Adoro a capa de Como Se Vingar De Um Cretino, sem dúvida a melhor decisão da Harlequin foi muda-la. A diagramação simples somada às folhas amarelas tornam a leitura bastante confortável tanto que consegui terminar o livro em apenas um dia. Sim, achei o livro bem viciante!


O primeiro volume da trilogia Lessons In Love foi uma leitura rápida e divertida e muito recomendada se você deseja uma história leve e fluida que lhe arranque algumas risadas e suspiros não pode deixar de ler Como se Vingar de um Cretino.





Título: Como Se Vingar De Um Cretino Série: Lessons In Love Páginas: 288 
Autora: Suzanne Enoch Tradutora:  Thalita Uba  Editora: Harlequin | Ano: 2018

8 comentários:

  1. Gosto muito de um bom romance de época e aproveitando a resenha, também gosto demais deste lance onde o casal vive igual gato e rato.rs
    Normalmente as brigas são cheias de bom humor e isso dá um outro ar a todo o enredo.
    Ainda não consegui começar esta série, mas depois que li a resenha, já vou por o livro na lista de desejados.
    Acredito que os romances de época voltaram para ficar(Eba)
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!!

      Que bom que também gosta de casais que são como gato e rato, sempre brigando e discutindo. Sério, você vai adorar esse livro. A Georgie é uma mocinha INCRÍVEL!

      Também espero que os romances de época tenham vindo para ficar <3

      Excluir
  2. Olá! Esse ano coloquei como meta ler romances de época, li alguns e estou em busca de novos para durante o ano, já curti sua resenha, de fato nunca ouvi falar dessa série, mas já vai estar na minha lista pra futura leitura.

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Esse ano li poucos romances de época, mas não tem como negar que a Harlequin está fazendo um belo trabalho publicando esses livros em formato de livraria, com histórias incríveis. Ainda não li esse livro, mas já está na minha lista. Em relação aos romances prefiro esses que o casal demoram um pouco mais de tempo para ficarem juntos. Que bom que você gostou e leu em um dia. Já está na minha lista.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Ola
    Eu comecei a ler esse livro mais acabei desistindo não consegui gosta da história os personagens não me envolveram , mais a capa e linda mais futuramente darei outra chance não quero ficar com ma impressão então darei uma outra chance.

    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá, li esse livro semana passada, ótima a sua resenha, eu também amei os personagens principais e secundários, já estou curiosíssima para ler mais livros da autora.

    ResponderExcluir
  6. Também gosto de casais que vivem como cão e gato acha super divertido. Infelizmente é seu nome ainda, mas já está na minha lista.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  7. Oi!
    Adorei sua resenha, eu vi esse livro no ig da Harlequin e já fiquei louca aqui. Amo romances de época e sou doida pra conhecer a escrita dessa autora.

    Bjs!

    ResponderExcluir

© 2018. Tema alterado parcialmente para Paraíso Literário. Todos os direitos reservados.. Tecnologia do Blogger.