[RESENHA] Quinteto Do Tempo #3: Um Planeta Em Seu Giro Veloz


Oi gente! Hoje vim contar para vocês qual a minha opinião sobre o terceiro livro da série Quinteto Do Tempo, Um Planeta Em Seu Giro Veloz, da Madeleine L'Engle e lançado recentemente pela Editora HarperCollins Brasil, parceira do site. Para ler as minhas resenhas de Uma Dobra No Tempo e Um Vento À Porta clique aqui.
Vários anos depois dos acontecimentos de Um Vento À Porta, temos uma Meg já adulta e casada com Calvin, seu companheiro de aventuras passadas, e esperando um filho do mesmo, mas nada mudou no tocante aos Murry já que eles continuam sendo uma família nada convencional.

Sandy e Danny, os gêmeos, estão na faculdade estudando, respectivamente, direito e medicina provando que também herdaram os genes inteligentes de seus pais, claro que não tanto quanto Meg e Chales Wallace e por falar no caçula da família, ele acabou se afastando até mesmo de sua irmã mais velha, uma das pessoas com quem mais se entendia no passado, mas como é Ação de Graças estão todos reunidos para celebrar a data.

Quando Meg tenta se aproximar do jovem, algo não funciona muito bem e é quando uma nova missão aparece, Charles Wallace deve enfrentar o novo desafio que se apresentou, mas desta vez nem sua irmã e nem Calvin estarão com ele, para ajuda-lo nesta missão ele contará com Gaudior, um unicórnio que tem poderes muito bem-vindos, e juntos eles devem impedir que a ameaça de uma guerra nuclear se concretize. Mas será que eles conseguem?

Para quem leu as resenhas anteriores sobre o primeiro e segundo volumes dessa série sabe muito bem que estava bastante desgostosa com a escrita da Madeleine e com os rumos que ela dava para suas histórias, focando em coisas que eu não achava necessária e arrastando uma narrativa que eu gostaria que fosse um bocado mais dinâmica.

Acontece que algumas coisas mudaram nesse livro, a pirraça (por falta de palavra melhor) que os protagonistas faziam nos dois volumes anteriores diminuiu consideravelmente, uma vez que agora não temos mais uma criança como protagonista, Charles Wallace está com quinze anos agora e entende melhor as coisas porque está mais maduro, sem contar que Meg não embarca na aventura junto com ele, o que eu acredito que ajuda.

A narrativa ainda me irrita um bocado, apesar de estar bem melhor aqui. O que me incomodou em todos os volumes é que quando a história pede um ritmo mais dinâmico e até chega nele, a autora é incapaz de manter isso. E quando (finalmente!) a narrativa começa a ficar do jeito que eu quero sou frustrada com o fato de isso durar absurdamente pouco.

O desfecho desse livro foi algo muito inesperado e absurdamente interessante, no final eu entendi que a história foi sendo encaminhada para esse rumo, mas não percebi nada enquanto lia e fui pega completamente desprevenida com a forma que a Madeleine terminou a história, mesmo estando frustrada com a narrativa, acredito que vou ler sim o próximo volume (contrariando o que falei na resenha anterior).

A diagramação está simples e segue o padrão dos outros livros. No caso das edições desses livros eu acredito que o grande destaque esteja na arte da capa. Todas elas seguem um padrão (meu TOC agradece!) e as cores usadas para composição da arte são absolutamente incríveis (inclusive veja a capa do quarto volume clicando aqui!)


Bom, acredito que no final seja interessante que você leia o livro e tire suas próprias conclusões já que, pelo que eu andei lendo pela blogosfera, a minha opinião faz parte de uma minoria porque a maior parte das pessoas que leram esses livros gostaram muito mais que eu da história.







Título: Um Planeta Em Seu Giro Veloz Série: Quinteto Do Tempo Páginas: 224 
 Autora: Madeleine L'Engle Tradutor:  Erico Assis  | Editora: HarperCollins | Ano: 2018


QUINTETO DO TEMPO
Uma Dobra No Tempo | Um Vento À Porta | Um Planeta Em  Seu Giro Veloz | Muitas Águas | Um Tempo Aceitável 
Comentários
14 Comentários

14 comentários :

  1. Não conhecia esses livros, mas eles possuem um enredo bem interessante. Irei me informar mais dessa série. Gostei muito deter indicado.

    Gustavo
    http://www.leituraenigmatica.com

    ResponderExcluir
  2. Então, eu não sou muito fã destas sagas ou do filme por achar muita fantasia neles e porque muitas pessoas acharam o mesmo que você, então nem me joguei na possibilidade de leitura. Aí chegar até o terceiro foi muita boa vontade sua, eu já não consigo ir tão longe se não ficar achando que foi uma boa história.

    ResponderExcluir
  3. Oi Jessie,
    Eu tinha curiosidade sobre o livro Uma Dobra no Tempo até ver a adaptação cinematográfica. O filme é tão ruim que me tirou a vontade de conhecer melhor a história criada por Madeleine L'Engle há tanto tempo. Não cheguei a avaliar a diagramação, mas gostei das capas criadas pela Harper Collins.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Jessie!
    Que bom que, contrariando sua impressão na outra resenha, a série parece estar conseguindo melhorar - mesmo aos poucos -, ou ao menos se manter mais envolvente. Mas é complicado mesmo isso da autora não ajudar na narrativa, eu travo por ainda menos que isso, então realmente considero não ler essa série. E não sei se foi intencional, mas eu ri sobre a Meg estar fora da aventura e isso ter ajudado a deixá-la menos irritante, rsrs. Eu particularmente não acho muito chamativa essas capas, mas talvez em capa dura fique ainda mais atrativa mesmo. Espero que o próximo te cative ainda mais e quem sabe possa concluir a série.
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ Sonhando aos Vinte ♥

    ResponderExcluir
  5. Ola!
    Acho a capa dessa coleção simplesmente fantástica!
    Sua resenha me surpreendeu um bocado, o LT também é parceiro da Harper e minha amiga que leu, simplesmente amou o livro haha

    Essa serie infelizmente não faz o meu estilo de leitura, mas foi gostoso conhecer o seu ponto de vista

    ResponderExcluir
  6. Tenho visto muitos comentários sobre essa série e infelizmente nem todos são muito bons. Mas saber que algumas coisas mudaram nesse livro é animador, ainda mais pelo fato da narrativa ter dado uma guinada. Mas acho que o desfecho interessante deve compensar , então ainda quero ler os livros da autora.,

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá, tudo bom?
    Essa série infelizmente não consegue chamar minha atenção =/ Uma pena que não esteja funcionando tão bem para você também, apesar dessa surpresa no final. É bem chato quando é necessário um determinado ritmo a trama e o autor simplesmente não consegue mantê-lo. =/ Espero que o próximo seja melhor!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi Jes! Acompanhei as resenhas dos livros anteriores, e te dou os parabéns pela insistência em continuar! Eu teria parado! É horrível fazer uma leitura que corta os pontos altos bem na hora em que a gente pensava que ia engrenar, e que fica na enrolação. Eu já não tinha me interessado no lançamento, por se tratar de uma mistura de ficção científica com fantasia, e lendo tantas resenhas desanimadoras, aí que desisti mesmo. Parabéns por continuar mesmo achando tão fraca.

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  9. Olá, Jessie!

    Na verdade, boa parte dos comentários que vejo sobre a série são negativos. Por isso, não tenho vontade alguma de mergulhar nessa história. Prefiro apostar em outras leituras.

    Histórias que ficam perdendo o ritmo toda hora, que contêm personagens mimados e uma escrita que não agrada já me afastam. Além disso, é ficção científica pelo que li de resenhas dos volumes anteriores da série e também não sou fã do gênero.

    ResponderExcluir
  10. Olá, que bom que a narração com um personagem um pouco maior tenha lhe agradado um pouquinho mais e esse desfecho surpreendente tenha lhe dado vontade de ler o próximo volume. Pena que o estilo da autora seja algo que você não esteja curtindo.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Apesar da sua resenha mais animada sobre esse volume e o amadurecimento de alguns personagens ficarem mais aparente, desanimei bastante em ler esse livro. Pelo menos enquanto a série não fica completa por enquanto vou só acompanhando através das resenhas.
    Espero que os próximos volumes continuem melhorando.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que tentei ler o primeiro livro, mas também não gostei da narrativa da autora e acabei largando. Até pretendo retomar a leitura futuramente, pois já tenho o livro. Porém, pelo que percebi da sua resenha, não lerei as continuações. Mesmo que os protagonistas melhorem nesse livro, deu para perceber que a narrativa ainda tem muitos problemas.
    Adorei sua resenha e, já que você resolveu continuar a série, espero que os próximos livros sejam melhores. No entanto, acho que vou terminar o primeiro porque já comprei, mas não darei continuidade à série.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Estou montando esta coleção e a arte gráfica é linda né? Quero ler todos os livros depois que a serie toda for publicada, apesar de já ter lido outras criticas sobre a escrita da autora. Mas tenho curiosidade.
    beijos

    ResponderExcluir
  14. Ooi,
    Eu amo a arte desses livros! Confesso que quando as edições começaram a parecer tive que me conter pra não comprar mesmo sem saber do que se tratava. Mas quando peguei o primeiro livro... eu não sei bem o que aconteceu. A história segue um rumo estranho, e em vários momentos senti o que você mencionou, a narrativa começa a melhorar e depois se perde totalmente.
    Apesar de reconhecer a criatividade da obra, desisti da série.

    Beijos,
    Vitória Zavattieri

    ResponderExcluir