[AUTOR PARCEIRO] Aya Imaeda

Oi gente! Hoje eu estou aqui com um dos meus posts favoritos do blog: venho apresentar uma nova autora parceira e suas obras para vocês! Como todos sabem adoramos dar espaço para nossos talentos nacionais. Então vamos conhecer um pouco a AyaImaeda?

[RESENHA] As Irmãs Cynster #3: Raptada Por Um Conde

Foto: A Libri

Oii seus lindos, hoje trouxe para vocês mais uma resenha da série: amei de mais e tive dificuldade em escrever. Brincadeiras a parte a resenha é sobre Raptada Por Um Conde, o terceiro livro da trilogia As Irmãs Cynster, o desfecho do que vem acontecendo com as irmãs Heather, Eliza e Angélica (a última sendo o foco deste terceiro livro!) com o aristocrata escocês misterioso. Esta resenha contem alguns SPOILERS dos primeiros livros (que vocês podem conferir as resenhas aqui). Então vamos ao que interessa para que vocês entendam porque eu me apaixonei.


[SORTEIO] Os Signos Do Amor


Oi gente! Então, hoje estreou de verdade a coluna Geminiano e se você ainda não sabe do que estou falando basta clicar aqui para entender um pouco melhor do que se trata! E já que estamos com tantas novidades por que não fazer um sorteio para comemorar tudo?! Quer saber mais? Continue lendo e vem participar!


[GEMINIANO] O Amor Entre Os Signos


Hello, pequenos astros! E como prometido, aqui estou eu para iniciar oficialmente a minha coluna (me sinto importante ao dizer isso, então, obrigado pelo espaço chefinhas <3). Passei muitos dias pensando em como poderia começar com o pé direito, e então, como num passe de mágicas, a ideia veio na minha cabeça. Para hoje, escolhi casais tanto da literatura, quando de filmes e séries, que são de signos diferentes, e representam de alguma forma, algumas características importantes pertencentes ao seu signo.

Vale ressaltar que para a construção dessa coluna, estou levando em consideração única e exclusivamente as características de personalidades de cada um deles, e não, as datas de seus nascimentos. Então, sem mais delongas, vamos ao que interessa. Se quiser saber um pouco mais sobre o porquê das minhas escolhas clica aqui.

Atenção, vamos só ter em mente que abaixo podem ter alguns spoilers sobre os livros/filmes/séries citadas.

Blaire e Rush (Paixão Sem Limites - Rosemary Beach)

Que Abbi Glines sabe misturar muito bem um pouco de drama, romance e sexo, isso não é novidade para nenhum de seus leitores. Além disso, a construção de seus personagens me deixou bastante envolvido quando li Paixão Sem Limites, principalmente porque temos aqui protagonistas bastante diferentes, mas com ótima química, tanto na cama, quanto fora dela. Blaire, com toda sua personalidade forte, e sendo uma mulher decidida, espontânea, e até um pouco impulsiva às vezes, não me parece pertencer a outro signo solar senão Áries, e muito provavelmente tendo o astro citado anteriormente na casa 11 (casa de aquário, e das novas possibilidades) talvez?

Costumo dizer que Escorpião é um signo bastante mal interpretado, e o mesmo vale para Rush, que com sua intensidade, temperamento forte, e todo quele fogo sexual, não poderia ser de outro signo. Ainda ouso dizer que seu ascendente deve ser em Leão, e aqueles que são fãs do personagem, e leram a apresentação dos signos que fiz aqui, vão entender.

Hermione e Rony (Saga Harry Potter)

Acho que qualquer um que conhece um pouco de astrologia, ou características básicas de cada signo, não vão deixar de concordar que Hermione é pertencente ao signo de Virgem. Metódica, racional e bastante crítica em tudo aquilo que faz, a nossa bruxinha mais adorada já irritou até mesmo seus fãs mais fervorosos, e todo bom virginiano já deve ter passado por isso na vida. E com toda essa sede de saber que ela tem, não me surpreende de Mercúrio (planeta que representa nossa lado intelectual e comunicativo) estiver em Gêmeos.

Já seu marido, Rony Weasley tem uma personalidade mais despreocupada, não é muito chegado em demonstrar seus sentimentos, e adoooooora comer. Quem aí já sabe de qual signo estou falando? Sim, isso mesmo, Touro. E ainda arrisco dizer que com um ascendente em Capricórnio na casa 4 (casa de Câncer, e da segurança).

Jamie Moriarty e Shelock Holmes (Elementary)

Se tem uma coisa que eu adoro, é quando alguns programas fazem releituras de algumas obras, e nós somos presenteados com gratas surpresas. Quem aí não adorou a reviravolta em Elementary, onde descobrimos que Irene Adler era também Jamie Moriarty? A personagem tem um dom nato para ser quem ela quiser, enganando assim até mesmo o nosso querido Sherlock. Ela também possui vários lados fascinantes dentro de seu ser, além de ter um ávido gosto por saberes diferentes. Sendo assim, temos aqui uma personagem que representa muito bem alguém do signo de Gêmeos, e muito provavelmente com o ascendente em Virgem e Mercúrio também em Gêmeos.

Já o Sherlock apresentado na série, gosta como ninguém de uma aventura, é racional e analítico, além de muito resmungão. Temos aqui alguém de Capricórnio na casa 6 (casa de Virgem), muito provavelmente com ascendente em Virgem e Mercúrio retrógrado (planeta retrógrado indica certa dificuldade em alguns aspecto do signo ou da casa) na casa 3 (casa de gêmeos e da comunicação), o que explica bem sua inabilidade em interagir com algumas pessoas.

Alec e Magnus (The Mortal Instruments/Shadowhunters)

Se teve um casal bem fácil para categorizar, foi exatamente esse. Amo o Alec, e ele é uma das poucas coisas que me fizeram continuar com a leitura de Os Instrumentos Mortais, mas não posso negar que toda a sua instabilidade emocional e sua tendência a um bom drama, o categorizam como alguém do signo de Câncer. Como se isso já não bastasse, ainda ouso dizer que sua Lua (emocional) deve estar em Peixes, na casa 7 (casa de libra e dos relacionamentos), o que lhe confere a característica de se doar muito ao outro em seus relacionamentos, seja ele amoroso, ou de amizade.

Já o nosso querido Alto Feiticeiro do Brooklyn, tem o espírito livre, sabe que é bom naquilo que faz, e tem uma auto-estima digna do signo de Leão. Sabe o que é mais engraçado? Câncer é o inferno astral de Leão, então é bastante normal alguns desentendimentos dos dois, e imagino que pelo menos Vênus em ambos os mapas, deve ser o que salva.

Delilah e Colin (Qual o seu número?)

Se tem um chick-lit que eu tenho vontade de reler todos os anos, é Qual o seu número?. Ainda me lembro das ótimas gargalhadas que eu dei na primeira vez que o li, e principalmente, lembro-me como Delilah, com todo esse seu modo de levar a vida, e já preocupada em ter uma família, me pareceu ser tipicamente do signo de Libra. Além disso, pequenos astros, esse dilema de número de contatinhos que já pegou, me parece ser um drama bem libriano.

E por outro lado a gente tem Colin, aquele irlandês fofo, desapegado, que gosta de viver a vida da melhor forma possível, sem drama, sem cobranças, sendo livre e com o mínimo (pra não dizer nada) de monotonia. Cadê o pessoal de Sagitário pra se sentir representado? Hahahah.

Lola e Cricket (Lola e o Garoto da Casa ao Lado)

Se você é fã de romances clichês muito bem escritos e não leu nenhum livro da Stephanie Perkins, você tem que correr e fazer isso agora mesmo. Principalmente porque você precisa conhecer Lola, uma garota totalmente fora dos padrões, que se veste diferente de todo mundo, afinal ela não acredita em moda, e sim em trajes. Lola é sem dúvidas alguém fora da caixinha, como uma boa Aquariana. E olha que você precisa ser uma ótima aquariana para ir ao baile de formatura de Maria Antonieta.

É nessa história que nós conhecemos o fofo e amado Cricket, um rapaz totalmente ligado ao bem das pessoas que estão seu lado, principalmente da sua família. É justamente por isso que muitas vezes ele sacrifica seu bem estar pelo da irmã sem nem pensar duas vezes. Sim, pequenos astros, temos alguém aqui do signo de Peixes com Sol na casa 7 (casa de libra e da família), e Ascendente também em Libra.

Por hoje é isso. Espero realmente que vocês tenham gostado. E não se esqueçam de comentar, e principalmente, dizer o que vocês gostariam de ver nessa coluna. Mas antes de me despedir, vou deixar aqui o link da música que ouvi ao escrever essa coluna. Hoje amanheci com o humor meio Canceriano, então se preparem para sentir o impacto da música The ATeam, da Birdy.


Até a próxima, pequenos astros ;)

[RESENHA] Ghost World


Oi gente! Sabe quando você passa por uma fase onde quer ler determinado gênero? Então, estou assim ultimamente com gaphic novels. Tinha deixado o gênero de lado por uns tempos, mas eis que nas últimas semanas eu já li três e estou ávida por outras (então deixem indicações nos comentários!). O importante é vamos falar da aclamada Ghost World hoje!


[AUTOR DO MÊS] Conteúdo Exclusivo Por Thais Lopes


Quando a Aninha me falou sobre o post desse fim de semana, a primeira coisa que pensei foi “opa, capítulos de material novo”. Aí lembrei que ele ia sair depois do lançamento do box Nas Sombras da Cidade e não tenho mais nada novo guardado aqui. Então vou voltar para a minha primeira paixão: construção de mundos.